17.2.09

Pequeno Relato Anatômico

Sentiu uma forte fisgada no braço na última vez em que se abraçaram. Agora, enquanto a enorme agulha atravessava a articulação do seu ombro direito, não era ali que sentia uma agoniante dor.

4 comentários:

Ticcia disse...

Que coisa linda isso, l.

l. disse...

'brigado, T. :)

Daniella disse...

que coisa mais linda tu. :(

l. disse...

Soh a parte da agulha eh de verdade, Dani.