18.3.09

Thou shalt not laugh

Em tempos de médicos excomungados e estupradores perdoados, cometa o 8º pecado capital - baixar arquivos gratuitamente pela Internet - e assista o quanto antes o documentário ""Religulous". Apresentado pelo comediante americano Bill Maher e dirigido por Larry Charles, diretor de Borat e ex-roteirista de Seinfeld, o filme segue a linha humorística de Borat, que faz rir com entrevistas extremamente constrangedoras. Mas, ao contrário do ignorante jornalista do Cazaquistão, Bill Maher dobra seus entrevistados com muito conhecimento e bom humor. E falando de um assunto bem delicado: religião.



Apesar de passar 80 por cento do filme espinafrando os cristãos (protestantes e católicos), religiões maioritárias nos EUA, o humorista também reserva boas esculhambadas para judeus, muçulmanos, mórmons e até cientologistas. Sempre utilizando suas próprias escrituras e dogmas para mostrar o quão absurdas são suas crenças. Muitas são as vezes que os entrevistados mal conseguem esconder a vergonha de terem sido pegos em situações rídiculas.



Cenas de filmes bíblicos dão um tom ainda mais sarcástico por todo o documentário e até uma interessante convocação, para que os ateus saiam do armário, é apresentada. Mas, no fim, mais do que uma explanação sobre as maluquices de cada religião, fica uma forte mensagem de como a fé desenfreada pode gerar coisas muito piores do que um filme cheio de gracinhas.

Recomendado fortemente para minha herege preferida.

4 comentários:

Reca disse...

Lucinho meu filho, o EUA é um país de maioria protestante e não católica. Ainda não vi o filme mas me aguarde... só digo que TUDO desenfreado pode gerar coisas piores, não só a fé.

l. disse...

Tem razão. Consertado. Vá ver com fé. bj.

Reca disse...

Agora sim...
Parabéns Flipper, uma sardinha pra você!

Herege Preferida disse...

Desse jeito, você chega lá. E rapidinho. ;D